Enquanto isso na Costa do Marfim…

Protestos na Líbia e seus desdobramentos caóticos estão tomando a atenção mundial – nada mais que justo, claro – e outros focos de tensão ganham cada vez menos visibilidade, como o impasse na Costa do Marfim, que vem causando guerras pontuais e mortes desnecessárias – para saber mais sobre o começo deste conflito clique neste link.

O presidente derrotado Laurent Gbagbo continua a comandar atrocidades em seu país e se recusa a entregar o poder para Alassane Outtara, eleito com 54,1% dos votos em pleito realizado em dezembro para o cargo máximo da Costa do Marfim – de acordo com um conselho independente e com a aprovação de países como EUA e França e a Organização das Nações Unidas. Segundo relatos da ONU, as mortes nos confrontos entre as forças pró-Gbagbo e os protestantes pró-Outtara já passam de 365, além de um número desconhecido de raptos e desaparecimentos e dezenas de estupros.

Para ilustrar as covardias que estão ocorrendo na Costa do Marfim vale citar as mortes de sete mulheres que foram baleadas pela ‘força de segurança’ do governo de Gbagbo em um protesto pacífico na capital Abidjã, na última quinta-feira. Cortes de energia no norte do país – que apóia Alassane Outtara – afetam o bombeamento de água e incapacitam hospitais, levando a mortes de recém-nascidos e doenças ligadas ao consumo de água não tratada.

Mesmo após pressão internacional com sanções e aumento do exército das Nações Unidas na Costa do Marfim, Laurent Gbagbo permanece com força política e militar para governar um país em meio ao caos.

 

*Para mais notícias sobre a Costa do Marfim clique no link a seguir: AllAfrica.

Sobre fmvalmeida

Jornalista fascinado pela África, Esportes, Internet e tudo que esta profissão proporciona. Contato: fmvalmeida@yahoo.com.br Twitter: @fmvalmeida Facebook: /fmvalmeida
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

2 respostas a Enquanto isso na Costa do Marfim…

  1. Álvaro diz:

    Já era bem oportuna para Gbagbo a revolta na Líbia (que no mesmo continente conseguia afastar os holofotes da mídia); com a tragédia no Japão, a perda de vidas e o impacto econômico, parece que esse drama vai ser esquecido (ou ignorado?) de vez, infelizmente. Abordamos o tema, inclusive, em nosso blog (http://www.paginainternacional.com.br/2011/03/e-costa-do-marfim.html). Ademais, excelente trabalho e parabéns pelo blog; fica o convite para vistar a PI.

    • fmvalmeida diz:

      Caos nos países árabes é realmente uma ótima para tirar o foco de ocorrências trágicas como a que está acontecendo na Costa do Marfim…
      Obrigado e bacana o PaginaInternacional. Com certeza visitarei com frequência.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s