Futebol unindo o Sudão. Será?

A separação do Sudão deverá ser confirmada no mês de fevereiro – segundo a BBC, autoridades ligadas ao referendo afirmam que 99% dos votos apurados optaram pela independência do sul –, praticamente na mesma época que ocorrerá no norte do país o Campeonato de Nações da África – que explicarei mais abaixo. Este torneio em terras sudanesas tende a trazer a tona o patriotismo da população do país, fator que poderá ser tanto um combustível para prováveis conflitos entre norte e sul, quanto um apaziguador dos ânimos exaltados da sociedade do Sudão. O futebol já mostrou ser capaz de se transformar no estopim de uma guerra – El Salvador-Honduras, 1969 –, mas também de unir povos e nações para um bem comum.
Um dos entusiastas da contribuição do futebol para manter uma relativa paz entre os povos dos dois futuros países é Mohamed Abdalla Ahmed, treinador sudanês que comandará a seleção do “Sudão completo” na competição – em entrevista à BBC. Apesar de não contar com nenhum jogador proveniente da parte sul do país, Ahmed acredita que todo o Sudão estará acompanhando e torcendo pela equipe que representará a nação sudanesa. “Sempre que jogarmos ou levarmos o time para o sul do Sudão, você verá todas as pessoas reunidas para torcer pela seleção. O futebol está sempre em busca da paz”, explanou Ahmed em entrevista à BBC.
De acordo com autoridades responsáveis pelo evento futebolístico, como o ministro dos esportes e juventude, Haj Majid Siwar – em entrevista à Miraya FM – o referendo não irá afetar o Campeonato de Nações da África. É esperar para ver.

Campeonato de Nações da África (CHAN)

Esta será apenas a segunda edição do Campeonato de Nações da África (CHAN), que terá a presença de 16 equipes representando suas nações. A diferença desta competição da já tradicional Copa Africana de Nações é que os países no CHAN podem ser formados apenas por jogadores que atuem no próprio país. Ou seja, astros do futebol mundial como Eto’o (Camarões) e Drogba (Costa do Marfim) não poderão atuar, pois jogam por clubes europeus.
Depois de dois confrontos na fase qualificação – que foram disputadas no primeiro semestre de 2010 – os 15 países classificados mais o Sudão foram divididos em quatro grupos para a fase inicial. Os dois melhores de cada grupo passam para as quartas-de-final e assim por diante – clique aqui para ver a tabela oficial.
O primeiro CHAN, realizado na Costa do Marfim em 2009, foi vencido pela República Democrática do Congo após bater Gana na final por 2-0. A seleção da RD do Congo entra na competição como a grande favorita já que defenderá o título e contará com 11 dos 23 jogadores atuando no clube vice-campeão mundial TP Mazembe.

Vídeo da trajetória da RD do Congo na CHAN de 2009:

Sobre fmvalmeida

Jornalista fascinado pela África, Esportes, Internet e tudo que esta profissão proporciona. Contato: fmvalmeida@yahoo.com.br Twitter: @fmvalmeida Facebook: /fmvalmeida
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s