Vila Mwanjabala – Parte IV – Kennedy

Kennedy acalmando a criança que tinha medo de nós

A amizade entre Tom Popp e Kennedy começou no início da década de 1960, quando o primeiro era um voluntário estadunidense em terras malawianas. Os dois anos de convívio, entre 62 e 64, foram interrompidos após Popp retornar aos Estados Unidos. O companheirismo existente hoje foi retomado apenas em 2005, quando Tom deu início ao projeto Restored Hope for Orphans and Vulnerable Children, em Karonga. Tom Popp conta que, passados esses mais de 20 anos, muitos – ou praticamente todos – não o reconheceram de imediato, mas acabaram lembrando de sua época de voluntário e o acolheram como se fosse um irmão. Ele fala, inclusive, que a vila é um de seus lares e o sobrenome Mwanjabala lhe foi concedido pelo chefe da vila, ainda na década de 1960.

Todos - ou quase todos - querem ver como se saíram na foto (Créditos: Digo Ferreira)

Kennedy é um homem tranquilo, simpático e de fala mansa; mesmo na hora de chamar a atenção de alguma criança bagunceira. Com seus quase 70 anos – nasceu em 1942, se não me engano –, ele nos recebeu em sua casa em duas ocasiões. Em ambas as oportunidades fez o ritual de puxar cadeiras para nós três e conversar sobre qualquer assunto que surja no momento. Ofereceu-nos comida nas duas vezes, mas aceitamos apenas na segunda, pois a insistência era grande e desculpas não eram mais aceitas. Afinal, aquilo era um sinal de respeito, como eu já expliquei aqui no blog.

Mulheres e crianças em frente à casa de Kennedy (Créditos: Digo Ferreira)

Em nossas visitas, a frente da casa de Kennedy, onde sentávamos para conversar, esteve sempre abarrotada de mulheres e crianças. Assim como a maioria dos lares da Vila Mwanjabala, a residência dele era modesta: feita de tijolos de argila/barro ‘queimados’, telhado de palha/sapê, cozinha e banheiro separados do restante da casa e uma tenda, por causa do terremoto que ocorreu no fim de 2009 – falarei sobre isso em outro post. Enquanto conversávamos no quintal de Kennedy, as crianças nos olhavam e as mulheres papeavam entre elas. Sua esposa, que não falava um ‘a’ de inglês, nos cumprimentava, tentava desenvolver algum diálogo em tumbuka conosco, ria de nossas – minha e do Digo – caras de dúvida e seguia para a cozinha, ou ia papear com o restante das mulheres. Muitos, principalmente as mulheres, tentavam fazer o mesmo, mas desistiam após Digo dizer – em tumbuka – que sabia apenas um pouco da língua da região.

Kennedy e sua horta - essa foto foi feita a pedido dele

As fotografias sempre são um caso a parte. Fizemos muitas fotos das crianças e mulheres. Os meninos e meninas faziam, como de costume, poses e tentavam ficar o mais perto da câmera possível, dificultando o ‘trabalho’. Os mais velhos eram mais contidos, mas também adoravam se ver na pequena tela das máquinas digitais. Um pedido comum dos adultos era que a gente enviasse algumas fotos – como a de Kennedy e sua horta – por correio, fato que assumo não ter feito ainda.

Para ver mais fotos é só clicar aqui ou no link abaixo:

http://www.flickr.com/photos/49826072@N05/sets/72157624991919603/

Sobre fmvalmeida

Jornalista fascinado pela África, Esportes, Internet e tudo que esta profissão proporciona. Contato: fmvalmeida@yahoo.com.br Twitter: @fmvalmeida Facebook: /fmvalmeida
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

2 respostas a Vila Mwanjabala – Parte IV – Kennedy

  1. Lucas Paio diz:

    Olá Fernando! Pô, muito legal o blog. Comecei a ler a partir do primeiro post, uma hora ponho tudo em dia! Abraço!

  2. Pingback: As consequências do terremoto | Destino África

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s